Search
  • Isabel Arruda

Sim é revolucionário


Era maio de 2012, fizemos uma viagem para Nova York e íamos passar uns dias em Las Vegas.

Éramos só nós dois - eu e @jpalcantara. Na verdade, Catarina já estava na barriga, mas ainda não sabíamos.


Mas, voltando a essa foto.

Eu queria muito, mas muito mesmo fazer esse passeio de helicóptero sobrevoando o Grand Canyon.

João não queria. “É muito caro”, ele dizia. “Não teremos tempo.Não temos esse dinheiro. Acho melhor não”.

Eu insisti. Dizia que seria uma experiência memorável. Insisti mais um pouco.

Resolvemos fazer.

Quando o helicóptero levantou vôo e começamos a sobrevoar Las vegas e as montanhas, ele segurou a minha mão, apertou forte, me olhou profundamente - talvez como nunca antes - e mexeu os lábio dizendo “muito obrigado”. Foi tão forte, genuíno e verdadeiro que senti o coração dele conversando com o meu. Estávamos ali, conectados e sentindo a potência da natureza debaixo dos nossos olhos.

Levo essaa cena e o olhar dele emocionado como uma das memórias mais marcantes da minha vida.


Pouco lembro dessa viagem, não lembro do que deixamos de comprar para fazer esse passeio, não lembro de todos os argumentos dele para não fazer, não lembro de tudo que estava acontecendo naquele momento da nossa vida.

Mas lembro dessa cena com cada detalhe e se fechar os olhos, me teletransporto para aquele helicóptero e revivo tudo mais uma vez com toda a intensidade.


Tem coisas que sabemos que não devemos fazer, racionalmente falando.

Tem vezes que a lista dos contras é infinitamente maior do que a dos prós.

Tem situações que todos ao seu lado dizem que não é uma boa idéia.


Mas você sente que é um SIM.

E faz mesmo assim.


E são desses momentos de SIM, que a vida vai se tornando memorável e significativa.

São essas lembranças que vão te emocionar quando você se perguntar se sua vida foi bem vivida.

E o legado que quero deixar é, sem dúvida, uma vida bem vivida.


Para fazer sentido, é necessário fazer sentir.

Sinta seu coração e escute a sua intuição.

E diga mais sim.


Dizer sim é libertação.

Dizer sim é revolucionário.

2 views0 comments

Recent Posts

See All